CSPM apresenta cartilha com contestações à Reforma Trabalhista em encontro de sindicalistas em São Paulo

Uma crítica consistente ao texto aprovado no ano passado, explicando para as pessoas como as alterações afetam as vidas dos trabalhadores e como enfrentar a Reforma Trabalhista. Este é um resumo, segundo o advogado Jefferson Alves, da cartilha produzida pela CSPM Advogados Associados. Cerca de 200 exemplares do material foram distribuídos no Encontro Nacional da Intersindical, ocorrido no fim de semana em São Paulo.

“Nos debruçamos em cada detalhe da Reforma Trabalhista para produzirmos a cartilha. Apontamos as distorções, ilegalidades e inconstitucionalidades do texto. Isso será subsídio para o campo progressista do Judiciário, para os juízes e juízas que veem um Judiciário Trabalhista como última linha de defesa dos trabalhadores”, afirmou Alves.

Presente no encontro, o pré-candidato do PSol à Presidência da República, Guilherme Boulos, recebeu um exemplar da Cartilha. O texto será enviado também para os representantes dos demais partidos que votaram contra a Reforma Trabalhista no Congresso Nacional e que terão candidatos a presidente: PT, PDT e PCdoB. O mesmo tem sido feito com outras publicações produzidas pela CSPM, como o programa Segunda Renda.

Informações sobre como obter estas publicações podem ser obtidas através do e-mail cspm@cspm.adv.br ou comunicacaocspm@gmail.com.

Comments are closed.